Diocese de Cametá

   Na manhã da última quarta-feira, dia 09 de março de 2022, a Nunciatura Apostólica comunicou a nomeação pelo Papa Francisco de Dom José Altevir da Silva, CSSp, como bispo da Prelazia de Tefé-AM, transferindo-o da nossa Diocese de Cametá, onde serviu por 04 anos. Estas linhas querem expressar o sentimento do clero e do povo de Deus e uma palavra de gratidão a Deus, Nosso Senhor, por nos ter enviado pastor tão missionário.

   A palavra de Deus no livro do Eclesiastes inspira-nos ao que queremos manifestar neste momento de gratidão. Diz o Eclesiastes: “Para tudo há um tempo, para cada coisa há um momento debaixo dos céus: tempo para plantar… tempo para construir… tempo para abraços… tempo para apartar-se…” (Ec 3,1-15). A sabedoria do ser humano está em viver intensamente, com paixão, com entusiasmo e alegria, cada momento, cada situação, cada desafio, cada vitória, cada aparente derrota certos de que Deus tudo dispõe na sua insondável providência para o bem daqueles que o amam. O tempo que Dom Altevir esteve conosco como nosso pastor foi curto, mas certamente suficiente para nos deixar um ensinamento: é necessário assumirmos a missão como paradigma e imperativo que nos convoca a sermos nós mesmo a própria missão. Nossa vida é missão!  

    Dom Altevir, deixa para todos nós da Diocese de Cametá, o belo testemunho de um servo sábio, simples e humilde que ofertou sua vida com afinco, não reservando nada para si, consciente de estar servindo a Igreja, Povo de Deus escutando, aprendendo, anunciando com alegria, esperança e caridade, sempre com entusiasmo e ousadia, conduzindo a diocese aos novos horizontes missionários numa perspectiva sinodal.

   Sua atuação como pastor preocupado com a defesa do Rio Tocantins, dos territórios e da nossa casa comum não serão esquecidos. Seu empenho em fazer de nossa Igreja particular, casa e escola da comunhão, a realização do Congresso das Comunidades Cristãs, da IV assembleia do Povo de Deus que fez nascer o Plano Diocesano de Pastoral, a criação do tribunal eclesiástico diocesano, o incentivo para a criação dos conselhos missionários em nível paroquial e diocesano, a modernização da gestão administrativa, dentre outras realizações, são marcas que ficarão registrado nos anais de nossa história.

   Em seu ministério apostólico entre nós sobressai, um profundo senso de eclesialidade e missionariedade muito presentes em suas palavras, atos e gestos, nestes quatro anos, junto ao presbitério, diáconos, religiosos (as), seminaristas, as comunidades cristãs, pastorais, serviços, grupos e movimentos convidando-nos a assumirmos o vocabulário missionário.

   Quero expressar a gratidão e o reconhecimento de nossa Diocese pelo seu sim, por ter aceitado o chamado do Senhor para ser, neste tempo, nosso pastor. Enquanto o enviamos para sua nova missão em Tefé, nós o acompanhamos com nossas orações, auspiciando de Deus por intercessão de Nossa Senhora de Nazaré, Rainha da Amazônia as abundantes bênçãos para sua vida e do novo rebanho.

   Obrigado Dom José Altevir e que o Espírito Santo o ilumine!

Cametá-PA, 11 de março de 2022,

Sexta-feira da 1ª semana da Quaresma.

Pe. Raimundo Nonato Rodrigues Martins

Vigário Geral